A Secretaria Municipal de Desenvolvimento da Agricultura, Aquicultura, Abastecimento e Pesca (SEDAP) foi responsável pela reorganização do setor da agricultura familiar em Marituba, em 2022. Para o secretário da Sedap, Yuri Bastos, o ano foi de renascimento da agricultura familiar em Marituba.

Feira da Agricultura Familiar movimentou mais de 10 mil em 2022

“Dentro desta perspectiva, realizamos um trabalho de resgate, pois tínhamos um número de agricultores impreciso e indefinido. Hoje temos catalogadas 103 famílias que sobrevivem da agricultura familiar em Marituba”, explicou o secretário.

A estimativa é que mais 50 famílias ainda serão cadastradas, passando a uma média de 200 famílias de agricultores no município.

Ele ainda explica que para estas famílias está sendo desenvolvida a emissão de documentos como o Cadastro Ambiental Rural (CAR), a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) e o Cadastro Nacional da Agricultura Familiar (CAF).

“Atualmente eles têm um assistencialismo não somente técnico agrícola, assim como para suas famílias, desta forma estão recuperando a confiança na gestão municipal”, comentou.

Sidney e Cláudia fazem parte dos agricultores familiares beneficiados

É o caso dos agricultores Sidney Souza Damasceno e Cláudia Gomes Pereira que receberam o Cadastro Ambiental Rural (CAR). Eles criam e comercializam codornas em seu terreno localizado no Riacho Doce. “Estamos no começo da produção e este documento vem favorecer para que possamos levar a frente o nosso negócio e expandir nossa produção”, disse Sidney.

Yuri também destaca que parcerias foram retomadas juntamente a órgãos como a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater), com a Secretaria de Governo de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), e com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Feiras da Agricultura Familiar – Dentro da série de incentivos realizados pela Prefeitura de Marituba à agricultura familiar no município, estão as Feiras da Agricultura Familiar.

Em 2022 foram realizadas 06 feiras totalizando um montante de mais de 10 mil reais em negócios e mais de 100 expositores mobilizados.

Hortaliças, produtos agrícolas, produtos gastronômicos, artesanatos e plantas ornamentais foram artigos comercializados em todas as edições.

O evento faz parte de uma série de incentivos executados pela Sedap para promover o resgate da agricultura de Marituba dando aos produtores rurais notoriedade e oportunidade de comercialização de seus produtos.

Para incentivar a piscicultura no município, a Sedap realizou a Feira do Pescado durante a semana santa que totalizou mais de 13 mil reais em compra e venda de pescado.

As parcerias tem como frutos a aquisição de insumos e capacitação para os agricultores, entre outros benefícios, como a implantação de cultivo de espécies biofortificadas que consiste no melhoramento genético convencional, ou seja, na seleção e cruzamento de plantas da mesma espécie, gerando cultivares mais nutritivos e mais resistentes trazendo mais segurança para o produtor de Marituba.

Da Redação Comus

Fotos: Ary Brito

 

 

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade