Abertura da Jornada Pedagógica Municipal 2023

0

A Jornada Pedagógica é exclusiva para docentes da rede municipal de ensino de Marituba

A Prefeitura Municipal de Marituba, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), iniciou na noite de segunda-feira, 16, no Ginásio Poliesportivo Municipal, a Jornada Pedagógica 2023: “Práticas Pedagógicas e a Aplicabilidade no Contexto Escolar”, que visa capacitar, através da formação continuada, gestores, vice gestores, coordenadores pedagógicos e professores da rede municipal de ensino, com temas gerais e específicos, alinhados às atuações de cada docente, que serão trabalhados em sala de aula durante o ano letivo de 2023.

À frente da pasta da educação, desde o início de 2023, a Secretária Municipal de Educação, Viviana Fontinele, ao dar boas-vindas, agradeceu a acolhida dos mais de 1 500 docentes presentes no Ginásio Municipal, pontuando que a sua atuação será “de compromisso e responsabilidade para que a nossa gestão seja multiplicadora junto aos nossos professores, os responsáveis por disseminar o conhecimento para os nossos alunos”.

Credenciamento e entrega de material para a Jornada

A Jornada Pedagógica é a primeira grande atividade da Secretaria Municipal de Educação de Marituba nesse início de 2023, que movimenta, além do público alvo, cerca de 200 servidores divididos em equipes de trabalho para palestras, credenciamento, transporte, alimentação, limpeza e comunicação pública.

Conta ainda com convidados das instituições: Secretaria de Estado de Educação do Pará (Seduc), Secretaria Municipal de Educação de Belém (Semec), Universidade da Amazônia (Unama), Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), Universidade Federal do Pará (UFPA),  Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e do Serviço Social da Indústria (Sesi).

“Quando falamos de educação, em Marituba, falamos de valorização dos nossos servidores e de reforma das escolas, por exemplo, e a Jornada Pedagógica é mais um momento de valorização dos nossos docentes que, constantemente, estão em aprendizado, objetivando sempre o melhor para os nossos alunos e elevação da qualidade do ensino”, disse durante discurso, a Prefeita de Marituba, Patrícia Alencar.

Vitória Mellyna, medalha de ouro na 17ª edição OBMEP

Homenageados
Na ocasião, alunos das escolas municipais, Santa Tereza D’Ávila e professora Emília Clara de Lima, medalhistas na 17ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), e os seus respectivos professores foram homenageados recebendo certificado de honra ao mérito.

Indicada por uma aluna da escola professora Emília Clara para integrar o grupo de estudo formado pelo professor da escola David Figueiredo, a aluna do 9° ano, da escola municipal Santa Tereza D’Ávila, Vitória Mellyna, 14 anos, se preparou desde março de 2022, assim como os demais colegas, para a prova que aconteceu em outubro do mesmo ano.

“Lembro que em um dos sábados passamos o dia inteiro na escola estudando de forma muito empenhada, ganhar medalha, e medalha de ouro, é de um sentimento indescritível. Se reconhecida e receber essa homenagem, mais indescritível ainda. Muito especial representar o nosso município de forma positiva”, disse a aluna que deseja cursar licenciatura em matemática.

Na 17ª edição da OBMEP, Vitória Mellyna é uma das três medalhistas ouro no estado do Pará.

Aluno e Professores homenageados

Os professores de matemática da escola professora Emília Clara de Lima, David Figueiredo e Fagner Silva, e da escola municipal Santa Tereza D’Ávila, professora Maria Bernadeth Gomes, selecionaram os alunos com maior aptidão e compromisso com a disciplina matemática para a realização das provas, onde os alunos eram preparados sempre aos sábados para poderem ter o melhor desempenho possível.

“Uma honra participar dessa homenagem com os nossos alunos, nós que diariamente acompanhamos a evolução de cada um, é muito gratificante, e acredito que teremos mais e mais alunos premiados no nosso município”, disse o professor David Figueiredo.

A OBMEP, competição nacional realizada desde 2005 pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) com recursos dos Ministérios da Educação (MEC) e da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), objetiva incentivar o interesse dos alunos pela Matemática, identificando novas vocações às áreas tecnológicas.

Secretária de Educação, Viviana Fontinele, Prefeita de Marituba, Patrícia Alencar e o Escritor Gustavo Duarte

Gustavo de Figueiredo Duarte, autor do livro “A Floresta”
Emocionado e grato pelo reconhecimento, Gustavo Duarte definiu o momento como “especial que ressaltada a importância e o incentivo que o município dá ao nosso trabalho. Sou fruto de vários outros escritores, com isso, desejo que outras pessoas se inspirem como eu me inspirei pela leitura e escrita”.

Residente na cidade de Marituba, Gustavo Duarte, 15 anos, é autor do livro “A Floresta”, cursou ensino fundamental nas escolas municipais professora Emília Clara de Lima e Padre Romeu. Atualmente é estudante do 2º ano do ensino médio, na escola estadual Fernando Ferrari.

Professor Doutor Waldir Ferreira de Abreu

Aula Magna
A abertura da Jornada Pedagógica contou com aula magna conduzida pelo Professor da Universidade Federal do Pará, Doutor em Ciências Humanas – Educação – pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, com Pós-Doutorado pela Universidade Internacional de Cambridge, Espanha, Waldir Ferreira de Abreu, que atua como docente há 30 anos.

“A Jornada Pedagógica congrega e permite que esses profissionais da educação interajam e entendam todo trabalho realizado pela Secretaria Municipal de Educação, esse momento é de fôlego e animação para o processo formativo dos alunos durante o ano letivo. A jornada vai ao centro do que constitui todo processo de ensino: a formação continuada dos professores”, disse o professor.

Programação

Jornada Pedagógica 2023: “Práticas Pedagógicas e a Aplicabilidade no Contexto Escolar”, acontece, exclusivamente para docentes da rede municipal de ensino, até sexta-feira, 20 de janeiro, nas dependências da escola municipal Renausto Amanajás, bairro Dom Aristides, das 8h às 18h.

 

Texto: Ascom Semed
Fotos: Ary Brito, Patrik Silva e Paulo de Souza

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade